Tromboembolismo Venoso Relacionado ao Uso Frequente de Anticoncepcionais Orais Combinados

Autores

  • Liévrê Xiol Morais
  • Letícia Pereira Santos
  • Ilma Fábia Firmino Resende Carvalho

Resumo

Tromboembolismo venoso é um processo clínico grave, representado por dois eventos clínicos: a trombose profunda venosa (TPV) que é caracterizada pela formação de trombos no interior das veias densas e, em situações mais graves, consequente aos trombos formados no sistema venoso profundo, (pode ocorrer) desprendimento vindo estes a se alojarem na artéria pulmonar ocasionando a embolia pulmonar (EP). São várias circunstâncias que favorecem a instalação dos trombos tanto arteriais quanto venosos. Um dos fatores de risco relevantes para o desenvolvimento de tal patologia é o uso de contraceptivos orais combinados. Este consiste na associação de hormônios estrogênios e progestogênios sintéticos, os quais são admitidos podem. Estes São fármacos que trazem em sua formulação hormônios que poderem causar eventos trombóticos ocasionando danos e consequências sobre a hemostasia no sistema de coagulação sanguínea. É considerável que se alerte as mulheres sobre o desenvolvimento de complicações tromboembólicos quando (da) utilização indiscriminadamente de anticoncepcionais orais combinados.

Publicado

2019-09-11

Edição

Seção

Dossiê