Entre a Capital e o Interior. Três Nuances da Metropolização no Estado do Ceará

FORTALEZA, CRAJUBAR E SOBRAL.

Autores

  • Ana Paula Campos Gurgel

Palavras-chave:

metropolização, Ceará, renda, morfologia

Resumo

Objetivo desse artigo é discutir, em perspectiva comparada, três processos de metropolização que tomam lugar no estado brasileiro do Ceará: a Região Metropolitana de Fortaleza (capital administrativa estadual); a conurbação denominada de Crajubar (formada pelas cidades Crato - Juazeiro do Norte - Barbalha, também denominada legalmente como Região Metropolitana do Cariri) e a cidade de Sobral (para qual também há um projeto de institucionalização de uma região metropolitana desde de 2011). Para subsidiar essa análise são apresentados dados de renda e densidades populacionais correlacionando-os com aspectos morfológicos de centralidade topológica obtidos por meio de modelagens axiais calcadas no referencial teórico-metodológico da Sintaxe Espacial. Os achados demonstram a crescente importância das cidades de porte mediano no cenário econômico e na rede urbana brasileira, embora a capital ainda seja responsável pela maior polarização de pessoas e atividades econômicas.

Publicado

2020-02-13

Edição

Seção

Dossiê